quinta-feira, 10 de abril de 2014

Oracle Financials (Financeiro)

O módulo Financial da Oracle E--Business Suite representa um modelo unificado de dados que automatiza e dinamiza todos os processos financeiros, ao mesmo tempo que proporciona uma ampla e clara visão de todas as transações, inclusive as realizadas com os clientes, assegurando, assim, a qualidade das informações para decisões acertadas e geradas em tempo hábil, de modo a permitir o aprimoramento das operações com redução de custos.
Fazem parte do Oracle Financials os seguintes sub-módulos:

Oracle Assets (FA)
Oracle General Ledger (GL)
Oracle Payables (AP)
Oracle Receivables (AR/Billing)
Oracle Credit Management


Oracle Assets (Ativo Fixo)
O aplicativo Oracle Assets permite os seguintes controles: imobilização automática das obras em andamento à medida em que os projetos forem sendo encerrados, cujo controle estará sendo efetuado no aplicativo Oracle Project Costing; controle dos bens por Ordens de Imobilização e Ordens de Desativação; controle por unidades de cadastro; controle por unidades de adição e retirada; controle por componente menor; cálculos da depreciação e respectiva apropriação contábil permitirá que sejam feitos por projeto (minas, ferrovias, sub-estações, linhas de transmissão, projetos administrativos), conta contábil, centros de custos, unidades administrativas, unidade de negócio; inventário físico dos bens; acompanhamento das manutenções por bem; controle de seguro por bem. Através do aplicativo Oracle Assets é possível que a empresa execute os controles contábeis e gerenciais, atendendo integralmente às exigências estabelecidas e às necessidades de controle gerencial.

Oracle General Ledger (Contabilidade Geral)
Aplicativo Contábil e Orçamentário, em ambiente multi-empresa e multi-moeda. Cobre as funcionalidades de Planejamento e Orçamento, Contabilidade Geral e Gerencial, Custos e Capital. Forma o centro de informações financeiras de uma Empresa, armazenando e permitindo extrair, por qualquer critério de consolidação,os dados de toda a atividade. Não importa o tipo de organização, pode-se sempre consolidar automaticamente seus diversos lançamentos, independentemente das diferenças de moeda, calendário ou plano de contas.

Oracle Payables (Contas a Pagar)
Aplicativo para Contas a Pagar, totalmente integrado aos demais produtos ORACLE. Atende às funções de Administração de Carteira de Títulos a Pagar, Cadastro de Fornecedores, Conciliação automática de Faturas com Pedidos de Compra, Notas Fiscais, Planejamento de Pagamentos, Emissão de Documentos de Pagamento, Contabilização automática por critérios definidos no Sistema Orçamentário/Contábil ORACLE. Uma integração estreita entre o Oracle Purchasing, o Oracle Payables e o Oracle Assets™ elimina o trabalho em papel e o lançamento redundante de dados; todos os dados relacionados são roteados automaticamente pelo mesmo sistema. Mantém controles administrativos em retenções de pagamentos em múltiplos níveis.

Oracle Receivables / Billing (Contas a Receber / Faturamento)
Aplicativo para Contas a Receber, totalmente integrado aos demais produto ORACLE. Atende às funções de Administração de Carteira de Títulos a Receber, Cadastro de Clientes, Emissão de Documentos de Cobrança e emissão de Notas Fiscais.
O mercado global exige suporte, métodos tributários internacionais e outras práticas comerciais individualizadas. O Oracle Receivables trata destas necessidades: métodos multinacionais de pagamentos, registro de impostos locais, regionais e federais e emissão de cartas de crédito. Dentro dessa estrutura, consegue-se automatização significativa de seus processos de faturamento e cobrança. Pode processar os recebimentos automaticamente por meio da transmissão eletrônica com os Bancos.

Oracle Credit Management (Gestão de Crédito)
Oracle Credit Management é um aplicativo configurável que atende as politicas de crédito globais através de lista de verificação de dados referentes a crédito, modelos de pontuação e regras de automação. O Oracle Credit ajuda na tomada de decisões minimizando tarefas sem valor agregado, através das regras de automação, recomendações de crédito, interface aberta para integração com entidades externas, p.ex, D&B e Serasa.
Postar um comentário