segunda-feira, 3 de março de 2008

Gerenciando pedidos


Gerenciando Pedidos, com vocês mais um pouco de Vendas

Abaixo, algumas de suas funções:

Oracle Order Management
Order Management
Shipping Execution
Basic Pricing
Oracle Configurator
Oracle Advanced Pricing
Oracle Release Management e e-Commerce Gateway
Portais de Cliente, Transportadora, Embarcador e do Gerenciamento de Ordens

O escopo desse material envolve o Oracle Order Management

Principais Recursos
  • Gerenciamento de informações sobre clientes
  • Gerenciamento de informações sobre pedidos e devoluções, bem como efetuar cópias, aprovar, definir retenções padrões, reter diretamente, liberar retenção, cancelar pedidos ou linhas
  • Regras de preenchimento automático na entrada de pedidos
  • Verificação de crédito para liberação de pedidos
  • Gerenciamento de informações sobre programações e entregas
  • Verificação e reserva de ATP ("Available-To-Promise" : Disponível para promessa) na cadeia de suprimento
  • Integração da demanda com o setor de fabricação
  • Workflow para aprovações e para visualização do andamento dos pedidos Restrições de alterações de dados, conforme a responsabilidade.
  • Referência cruzada de itens como opção de entrada
  • Integração completa com Contas a Receber, gerando as informações para emissão da Nota Fiscal.


PRINCIPAIS RECURSOS DA PRECIFICAÇÃO BÁSICA:

  • Configurar listas de preços e listas secundárias;
  • Criar fórmulas estáticas;
  • Descontar por percentual ou quantia;
  • Aplicar despesas e aumentos com fretes;
  • Configurar acordos de precificação de clientes.
ALGUNS RECURSOS SOBRE ENTREGAS
  • Planejamentos de entregas, incluindo excesso e falta;
  • Permite informar despesas especiais e de frete.
PORTAL DO ORDER MANAGEMENT (FAZ PARTE DO OM)

O Portal de Cliente da Internet é uma aplicação self-service para a Web.

Um cliente pode:
Verificar as ordens existentes com um Web browser;
Efetuar consultas por critérios, como o número da ordem de compra, o número do projeto e o representante de vendas;
Verificar disponibilidade de itens.
Conjuntos de Linhas

É possível agrupar linhas com necessidades semelhantes, ou que tenham que ser entregues juntas.

Os três tipos de agrupamentos de linhas são:

Conjuntos de entregas
Conjuntos de chegadas

Conjuntos de fulfillment

O OM pode colocar linhas em conjuntos automaticamente.

Os usuários podem alterar os atributos de conjunto na tela de “Ordens de Venda”

Podem-se mudar conjuntos conforme necessário para atender às necessidades de entrega.

Regras Default
  • Preenchimentos Automáticos Usar flexfields descritivos como origens de informação
  • Podem usar fórmulas (hoje + 7) API de PL/SQL para casos mais complexos
  • Toda a configuração, assim como os cálculos, é efetuada no AR (Contas a Receber)
O Oracle Order Management/Shipping permite calcular um imposto estimado para pedidos no momento da entrada do pedido.

A estimativa do imposto pode se basear nos status do impostos, nas informações sobre o endereço do cliente e em códigos de impostos (IVA) atribuídos a itens, locais e clientes.

O valor real do imposto é calculado durante a importação para o Oracle Receivables (AR).

Moedas

Se, no pedido, forem usadas moedas diferentes da definida no seu conjunto de livros, deve-se informar um tipo de conversão de moeda.

São nativos do Oracle:
Tipo de conversão User: o operador informa a taxa e a data de conversão;
Tipo de conversão Spot ou Corporate: sistema usará a taxa de conversão de moeda Spot ou Corporate correspondente à data do pedido.
Postar um comentário