domingo, 28 de março de 2010

Oracle - Press Release

Olá pessoal!
3 GO LIVE depois...
Vou publicar hoje as notícias que eu recebi da Oracle nesse mês de Março, bem interessantes, por sinal.
Abraços.
PS.: Vou responder os e-mails nessa semana tá?
ORACLE REPORTA GANHOS POR AÇÃO DE 23 CENTAVOS DE DÓLAR EM US GAAP E 38 CENTAVOS DE DÓLAR NON-GAAP NO 3° TRIMESTRE DO ANO FISCAL

O aumento foi de 13% nas novas licenças de software e de 21% em novas licenças de aplicativos

Redwood Shores, Califórnia (EUA) – 26 de março de 2010

A Oracle Corporation (NASDAQ: ORCL) anunciou o total de receitas em GAAP (procedimentos contábeis de aceitação geral, em português) do terceiro trimestre do ano fiscal de 2010, que registraram aumento de 17%, alcançando US$ 6,4 bilhões, ao passo que as receitas non-GAAP subiram 18%, atingindo US$ 6,5 bilhões.

Excluindo o impacto da Sun Microsystems Inc., adquirida pela Oracle em 26 de janeiro de 2010, as receitas totais GAAP cresceram 7%. As receitas GAAP com novas licenças de software subiram 13% chegando a US$ 1,7 bilhão e 10% atingindo US$ 1,7 bilhão, excluindo a Sun.

As receitas GAAP com atualização de licenças de software e suporte aos produtos tiveram aumento de 13%, totalizando US$ 3,3 bilhões, ao passo que em non-GAAP o aumento foi de 12% (US$ 3,3 bilhões), chegando ao mesmo montante em dólar. A receita operacional em GAAP teve diminuição de 5%, atingindo US$ 1,8 bilhão, e a margem operacional em GAAP foi de 29%. A receita operacional em non-GAAP aumentou em 13%, chegando a US$ 2,9 bilhões, e a margem operacional em non-GAAP foi de 45%. A receita líquida em GAAP teve redução de 10%, alcançando US$ 1,2 bilhão, enquanto em non-GAAP houve um aumento de 9%, subindo para US$ 1,9 bilhão. Os ganhos por ação GAAP foram de US$ 0,23, 11% abaixo em comparação com o ano anterior, sendo que os ganhos por ação non-GAAP aumentaram 9%, chegando a US$ 0,38. O fluxo de caixa operacional GAAP nos últimos doze meses foi de US$ 8,2 bilhões.


Oracle possibilita a transformação de compras com o Oracle® Procurement On Demand

Nova solução adaptável proporciona retorno mais rápido e alinhamento com as metas estratégicas de TI

Redwood Shores, Califórnia (EUA) – março de 2010

Novidades
· Com a expansão de sua oferta On Demand reunida em uma suíte de aplicativos de compras líder de mercado, a Oracle acaba de anuncar o Oracleâ Procurement On Demand.

· Como parte do portfólio Oracle On Demand, a empresa oferece recursos inigualáveis no segmento e um retorno mais rápido sobre o investimento, eliminando as restrições de TI.

· Esta oferta adaptável permite utilizar a última versão dos aplicativos de compras da Oracle sem precisar atualizar os sistemas ERP de back-end.

· Além disso, o Oracle Procurement On Demand garante a liberdade de implementar modelos híbridos que combinam aplicativos hospedados com a tradicional instalação de software no local, com base nas necessidades exclusivas de cada empresa.

· Uma arquitetura de aplicativos comum e uma estrutura de integração baseada em padrões de mercado entre os softwares do Procurement On Demand e de ERP da Oracle instalados no local permitem a integração perfeita e completa dos processos de compras.


Oracle anuncia nova versão do Oracle® Healthcare Transaction Base


Componente principal da solução de interoperabilidade para o setor de saúde traz serviços da web expandidos em suporte às importantes exigências de uso e certificação da estrutura técnica de IHE
Conferência e exposição anual da HIMSS de 2010 em Atlanta (EUA) – março de 2010

Novidades
· Como parte do compromisso contínuo de oferecer às empresas do setor uma infraestrutura para integração de dados de diferentes sistemas de assistência médica, a Oracle acaba de anunciar o Oracle® Healthcare Transaction Base 6.1.
· O produto oferece um repositório de dados multiuso que permite às organizações de saúde padronizarem a estrutura e o vocabulário dos dados administrativos, clínicos e financeiros de assistência médica, com o objetivo de ajudar a reduzir custos e melhorar o atendimento aos pacientes.

· A nova versão inclui suporte a serviços expandidos da web para atender às importantes exigências de uso relacionadas à continuidade dos documentos de atendimento médico.

· O Oracle Healthcare Transaction Base recebeu a certificação do Integrating the Healthcare Enterprise (IHE, na sigla em inglês) como repositório IHE XDS (compartilhamento de documentos em toda a organização de assistência médica), um requisito indispensável para atender às arquiteturas da solução de uso que armazenam e consultam documentos provenientes de componentes de diferentes fornecedores.

· A solução também é compatível com serviços da web IHE XDS.b, permitindo que os clientes em conformidade com a arquitetura IHE não tenham de criar serviços da web personalizados, o que ajuda a reduzir significativamente seu TCO (custo total de propriedade, em português).

· O Oracle Healthcare Transaction Base utiliza um modelo de informação de referência, focado no setor de saúde e baseado em padrões de mercado, que atende às exigências globais do setor e preserva o investimento em tecnologia das organizações de assistência médica.

· Usado atualmente como o backbone de muitos projetos de interoperabilidade da área, o Oracle Healthcare Transaction Base conta com suporte a mais de 10 milhões de pacientes no mundo todo.

Oracle é reconhecida como líder em Data Mining

Redwood Shores, Califórnia (EUA), março de 2010

Novidades
· De acordo com um relatório de fevereiro de 2010 da Forrester Research, empresa de análise independente, a Oracle é líder em análises preditivas e data mining (PA/DM).

· Segundo o levantamento The Forrester Wave™: Predictive Analytics And Data Mining Solutions, Q1 2010, escrito por James G. Kobielus, analista sênior, a “Oracle oferece um portfolio de soluções de PA/DM desenvolvido com base nas plataformas de BI, integração de dados, DBMS e DW próprios, com grande aceitação no mercado, e uma ampla variedade de aplicativos preditivos pré-integrados que oferecem um poderoso sortimento de algoritmos para mining (exploração) de informações complexas estruturadas ou não”.

· Como uma opção ao Oracle Database 11g Enterprise Edition, o Oracle Data Mining permite, de maneira prática, a integração de dados preditivos que podem ser inseridos em aplicativos de BI, entre outros. Com as funções de data mining do Oracle Database 11g, é possível identificar padrões e insights que, de outra forma, permaneceriam ocultos nos data warehouses.

· O Sun Oracle Database Machine melhora o desempenho do Oracle Data Mining por meio da pontuação dos modelos de data mining do Oracle Exadata Storage Servers.
Postar um comentário