domingo, 20 de setembro de 2009

TCA (Tradding Community Architecture)

Quem trabalhava com o cadastro de clientes em forms, com certeza ficou meio perdido com o TCA (Tradding Community Architecture), onde vemos o conceito de parte e conta, uma novidade (Não tão nova assim, eu diria, rs*) do Receivables.

Deixando de lado, toda a parte de se martirizar porque a Oracle modificou o cadastro, vamos tentar entender um pouco mais sobre o assunto, não vou entrar em detalhes muito técnicos, pois assim seria mais fácil publicar o manual.

O TCA foi criado para a união quase perfeita entre fornecedor e cliente, compartilhando a mesma tabela de endereços.

Hoje você consulta a parte, no AR, e já se beneficia de algumas informações que foram utilizadas no cadastro de fornecedores do AP, isso é, se você já gera transações de entrada e saída para o mesmo CNPJ.

Caso não, pode entrar e criar diretamente uma conta para que seu cliente possa transacionar dentro do AR.

Os procedimentos para o cadastro são bem simples, mas senti falta do histórico do registro que por se tratar de uma tela de navegador, não temos essa funcionalidade.

Uma dúvida básica: Onde estão os dados da tabela RA_CUSTOMERS?
Na R12, ela é uma view, a tabela onde é armazenado os nomes do clientes hoje, é a HZ_PARTIES.
Abaixo um diagrama bem simples dessa estrutura:
Quem precisar de um maior detalhamento, me envie um e-mail!
Até o próximo post!
Postar um comentário